Kintoun Blog 2.0

Blog que reune informaçãoes sobre a fantástica série Dragon Ball

Arquivos da Categoria: Histórias

A história de Broly | Parte 2

Passaram-se cerca de 7 anos desde os Cell Games. Também foram 7 anos que se passaram desde que Broly, o Lendário Super Sayajin,  foi derrotado. E esta batalha de menor importância, vencida pela união de forças dos maiores guerreiros do planeta, foi julgada como acabada. Broly tinha sido atingido por um meteoro gigante num planeta destruído, ele não voltaria a incomoda-los. Mas, ao contrário do que se pensou, Broly conseguiu fugir antes do impacto, assim como Goku fez em Namek, numa nave Sayajin e, coincidemente ou não, acabou caindo na Terra e ficou congelado na cratera formada pela queda.

Nesse período de paz, que dura 7 anos, Goten e Trunks, junto com Videl, saem a procura das Dragon Balls. Acabam indo parar numa pequena aldeia, assolada por um monstro. Eles prometem derrotar o monstro se o xamã da tribo entregar sua Dragon Ball. Ele aceita e nas montanhas Videl monta uma armadilha com comida para atrair o monstro. Mas Goten leva um tapa de Videl e começa a chorar (sim, o Goten é desprezível). Mas a uma certa distância dali, Broly, semi-congelado, ouve o choro e retoma a consciência. Mas o monstro que aterrorizava a aldeia aparece e é nocauteado rapidinho e há uma festa na aldeia. No dia seguinte, porém, notam-se tremores na terra e geleiras caindo. No meio da névoa sobre o lago, estava ele: Broly

O sayajin ataca imediatamente Videl e logo depois Goten e Trunks, que vieram ver o que estava acontecendo. Mas, assim que percebe a aparência de Goten, passa a lutar do seu jeito realmente violento. Ele  confunde Goten com Trunks, devido a semelhança com o pai e começa e atacar os dois com força muito maior. Eles caem e Goten vê, aos pés de Broly a Dragon Ball de quatro estrelas, a última que faltava. Goten acha que se chamarem Shen-Long ele poderia salva-los. Então vai atrás da esfera, que se mistura entre outras centenas de bolas de cristal. Ele a acha e passa a fazer inúteis tentativas de invocar Shen-Long para derrotar o monstruoso sayajin. Mas, quando Broly finalmente lança um ataque mortal contra as crianças, um blast muda sua rota. Gohan havia chegado e estava preparado para lutar.

Começa então uma sequencia de ataques assustadora entre os mais velhos. Gohan é obrigado a proteger os mais novos, visto que Broly lança vários blasts em Goten e Trunks e  a recém recuperada Videl. E quando o chão começa a se explodir e Gohan finalmente se transforma em Super Sayajin (ou Super Sayajin 2, há uma certa discordância) Broly resolve mostrar o seu verdadeiro e aterrorizante poder transformando-se em Lendário Super Sayajin e simplesmente massacra Gohan. Este tenta, então, vencer Broly obrigando-o a mergulhar na lava, mas pondo a sim mesmo em grande risco. Felizmente é salvo por Picollo, ou melhor: Kurillin com as vestes de Picollo. Então, surpreendentemente, Broly sai da lava, mais feroz que antes.

Broly recomeça a espancar Gohan eVidel reage jogando um cristal, usando todas as suas forças mas praticamente ignorada por Broly e acaba caindo no chão. Gohan, furioso, se livra de Broly e lança um Kame-Hame-Ha, que enfrenta diretamente um ataque de Broly. Chega Goten, que ajuda o irmão com mais potência para o Kame-Hame-Ha. Goten clama por ajuda a Shen-Long e, do céu, surge Goku. O pai, dando mais força ao Kame-Hame-Ha, ajuda os filhos a vencer a gigante esfera de energia de Broly e manda-lo para o Sol. Depois de um clarão, Goku não está mais lá etodos acordam bem, e vão para a casa, pensando se Goku realmente esteve ali.

Continua…

Piccollo Jr, o Filho do Demônio V.S. Goku, o Guerreiro Esforçado | Parte 1 |

A morte de um demônio.Um amigo de muitos anos morto. Uma busca pela vingança. A derrota de um demônio e uma grande comemoração mundial, tudo graças aquele herói, Son Goku. Mas, se antes de ser morto o demônio deixasse um ancestral, um filho ainda mais poderoso. E se ninguém soubesse disso. O filho se desenvolveria sozinho, enquanto o herói que derrotou o pai treinaria com Deus, a muitos quilômetros da terra.  É esse o enredo ds últimas duas sagas do Dragon Ball clássico.

Esse filho representa o maior perigo da terra. Goku não tem conhecimento dele mas, tentando ressuscitar os amigos mortos, vai atrás de Kami-Sama, que vive num templo muito acima da torre de Karin. E o Deus realiza o pedido, contanto que o menino treine lá por um tempo. Goku, naturalmente, aceita a condição, ansioso pelo próximo Tenkaichi Budokai. Então Kami conta sobre o pequeno demônio. Simultaneamente, este descobre sua força na terra e começa a evoluir numa luta pela sobrevivência. Goku fica realmente ansioso agora, e imediatamente começa o treino com Mr.Popo. Primeiro exercício: ser uma pedra.

Sendo uma Pedra

Após algumas falhas, Goku tem sucesso nesse exercício e logo Popo passa para o próximo, mas antes gira um bastão comum na frente de Goku até o menino ficar com medo de ser atingido. Popo explica que é porque Goku só vê com os olhos. Entrega-lhe uma venda e diz para ele caçar um gatinho com um sino, para ele aprender a usar os outros sentidos. Goku quase alcança o gato, mas Popo começa a confundi-l com outro sino, e Goku acaba batendo numa árvore. Popo diz que ele estava somente a audição naquele momento. Goku percebe que  aquele treinamento não é o melhor e convence Popo a treina-lo exatamente como Popo fora treinado muitos anos anos antes, por Kami-Sama. Relutante, Popo aceita e leva Goku até um teletransportador. Depois de uma série de missões, dentre elas uma viagem no tempo para desafiar o grande mestre Mutaito, Goku evolui muito e  o herói tem de enfrentar agora um inimigo realmente a sua altura:  ele próprio.

Goku vs Goku

Embora não saiba no começo que é o inimigo, Goku logo percebe que seus poderes são muito parecidos, mas melhor usados. Após uma cansativa batalha a máscara que encobria o rosto do guerreiro cai com um golpe certeiro de Goku, revelando sua identidade. Agora, os dois tem uma luta de igual para igual, com movimentos rápidos demais para serem vistos por alguém normal (mas que Popo sentia sem dificuldade) e o boneco/clone de Popo continua a ganhar de longe. Goku se pergunta como o boneco prevê os movimentos e Popo explica, como se lesse a mente de Goku, que é o Ki agitado do menino que o deixava visível. Goku ignora o conselho e tenta o Kame-Hame-Ha. O boneco finge o mesmo ataque contra Goku e é mais bem sucedido. Pressionado pela humilhação de perder para um simples boneco, Goku segue as orientações de Popo e tenta esvaziar sua mente. Com isso, consegue finalmente golpear o boneco, um pouco antes do efeito de vida nele acabar.

Goku esvazia a mente...

Mas então Popo conta que Goku não fez nada, mas que o efeito da Vida começou a falhar um pouco antes. Goku desmaia e dorme durante toda noite e, no dia seguinte, acorda para outro desafio: fugir de Mr. Popo, este vendado. Após horas e horas de fuga, Goku é encurralado no ar por Popo e é pego. Depois, ocorre o contrário: é Goku, também vendado, que precisa encontrar Popo, mas o garoto mal consegue se orientar sem ver e caminha tropeçando. Popo repete o mesmo sermão de sempre: para sentir o Ki. E, como Goku não consegue, Popo explica que ele precisa aumentar o Ki, treinando a mente também. Goku lentamente começa a perceber o Ki e a localiza-lo. Mas agora o anime resolve saltar 3 anos no tempo, diretamente para o próximo Tenkaichi Budokai…

O Retorno de Goku e de Picollo

Continua…

%d blogueiros gostam disto: